Quarta-feira, 20 de Fevereiro de 2008

Marilyn Manson video no brasil...




publicado por . às 19:03
link do post | comentar | favorito
Sexta-feira, 15 de Fevereiro de 2008

Entrevista a Marilyn Manson "Comendo e Bebendo Trevas"

http://nymag.com/images/2/daily/entertainment/07/04/25_manson_lgl.jpg

Tradução: Danielle Aguiar

Comendo e bebendo trevas

Esse cara é mais que inteligente. É uma das poucas pessoas que conseguem te intimidar mais do que sua maquiagem ou a figura lógica mercado que eles dão ao seu público. Vamos dizer que sua inteligência e segurança quando responde não são comuns nesse tipo de artista. Meu celular toca e uma voz diz: "Oi, sou Marilyn Manson". Tudo parece uma piada, mas é realmente ele. Ele disse que ía me ligar há poucos dias atrás, mas inesperadamente o fez hoje. Eu entendo; ele está agora em turnê pela Europa e isso é típico de uma estrela como ele. Ainda não consigo acreditar e peço a ele para me ligar novamente em cinco minutos, arriscando o sucesso dessa entrevista e igualmente meu emprego. Bondosamente o bastante, Mister Manson me liga de volta precisamente cinco minutos depois. Muito tem sido especulado sobre sua origem, se ele era Paul Pfeiffer da série "Anos Incríveis" ou se ele come fígados de crianças. O único que pode nos contar isso é o próprio, e devido ao lançamento de seu novo álbum "Eat Me, Drink Me", nós poderemos saber mais algumas coisas sobre esse novo ícone da cultura pop. Yeah!

 

S: O que você tem feito nos últimos meses?

MM: Tenho estado em turnê e me apresentado bastante. Neste exato momento estou na Europa e tenho tocado as novas músicas do álbum ao vivo.

S: Qual é o sabor do seu novo CD?

MM: Se eu tiver que compará-lo aos meu álbuns anteriores, eu poderia te dizer que eu parei de ser "dark" nesse e me foquei mais no glam rock. Na verdade, durante o processo de composição, escutei muitos discos como "Diamond Dogs" e "Roxy Music" do David Bowie e "Purple Rain" do Prince para ter alguma inspiração, na qual eu acho que esse último teve mais sucesso (risos). Acho que desta vez mostro um lado mais sexual e romântico. Eu acho que não fiz isso antes porque estava tipo que envergonhado quanto a isso. Este álbum é o mais perto do que eu realmente sou e faço. É algo que eu desfruto mais que meus discos anteriores.

S: Há sempre um grande mito te rodeando. Como é um dia normal na vida do Marilyn Manson?

MM: Bem,  quando estou perto de subir no palco, gosto de me concentrar sozinho durante 3 horas no meu camarim e ver qual visual é o mais apropriado, com um copo de vodka na minha mão. Quando não estou em turnê, gosto de sair como todo mundo, com meus amigos, e eu ensaio muito com minha banda. Acho que a melhor parte de ter um tempo é conseguir dormir até o sol nascer e ter acordar suavemente.

S: Você sempre esteve aberto a falar sobre suas intenções de entrar na indústria do cinema e também sobre seu relacionamento com o diretor Alejandro Jodorowsky. O que você pode nos contar sobre isso?

MM: Eu o conheci há muito tempo atrás e temos trabalhado juntos em algumas idéias. A parte mais importante para desembarcar o projeto agora é, obviamente, dinheiro, e estamos loucos para alguém se voluntariar a patrocinar esse projeto, na qual já tem um nome experimental, "King Shot". Eu queria que a arte não tivesse que ser atada ao dinheiro e fosse apenas isso, arte como uma natureza poderosa que você não precisaria nem comer. Esse é um projeto importante para mim porque todas as fortes sensações através de imagens são um tipo de catarse que nenhuma outra pode te oferecer e Alejandro é o homem certo para fazê-lo, e o vejo mais como um amigo do que como um parceiro. Você deve lembrar que ele foi o "padre" no meu casamento e que- eu realmente lhe asseguro isso- é algo que eu não permitiria a qualquer um. Eu também estou planejando algo que eu e um outro possa dirigir, que inclui um certo diretor com algo como Burton em seu último nome; Estou esperando a turnê acabar para me focar melhor em tudo isso.

S: Ok, e qual é o aspecto mais surreal da sua vida?

MM: Indubitavelmente o fato de ter uma grande multidão na sua frente e ser capaz de me fundir com eles em um sentimento mútuo de compartilhada excitação. Minha imagem surrealista? Não, hoje em dia eu acho que há pessoas muitíssimo mais estranhas e surrealistas que eu.

S: Você tem falado muito sobre os problemas da humanidade e da sociedade. O que aconteceu em Columbine é uma boa demonstração disso e deu a você mais coisas para falar a respeito. Se hoje você tivesse que dizer qual é a pior e a melhor coisa que a humanidade tem, quais seriam?

MM: Eu acho que uma das coisas mais tristes hoje é o fato de os artistas, arte e entretenimento serem uma ferramenta eficaz de manipulação dos governos, principalmente nos EUA. O mundo se tornou uma vítima do dinheiro e você pode ver isso cada vez mais todos os dias, devido ao fato de que isso é um vício a um sonho imaginário, para algo que quando acaba te deixa mais oco e triste que nunca, e estou falando sobre consumismo e manipulação das almas e conciências, o que me faz pensar que o mundo está perto do fim. Outro aspecto que me assusta é que as pessoas hoje não estão se comunicando, embora existem muitas opções para fazer isso, como internet e celulares. As pessoas não estão realmente se comunicando e esse é o porquê de tudo estar tão confuso e individualista. A única coisa que os governos querem conseguir com essa merda é nos dar a escolha do que comprar ou não. Acho que a liberdade mental e espiritual foi vendida ao diabo na forma de Louis Viutton ou Chanel. Eu nunca serei capaz de criar música que soe ao governo, porque isso representaria fazer música com um sabor de merda. A melhor parte da humanidade poderia ser quando o humano fosse simples e não atasse sua vida a coisas materiais, ou a idéia de um triunfo fingido através da validação do que um comercial ou programa de TV te forçam a fazer. Está sendo ainda uma luta por um mundo melhor. No meu caso, as únicas coisas que estão `a venda são meus discos e os ingressos para meus shows; Meu espírito, conciência e ideologia não.

S: O que você pode nos dizer sobre seus atritos com o vocalista e os outros membros do My Chemical Romance? Eles são realmente, como você disse, uma banda de imitação e uma má influência para a cultura rock?

MM: Sempre tem alguém que me pergunta isso, o que me faz rir porque eu nunca falei tão mal deles realmente. Não posso falar muito sobre isso porque eu não escuto aqueles tipos de bandas e o que eu acho é que eles são um grupo que tira mais vantagem da imagem de garotos atraentes do que de sua música só para aparecem. Eu sou muito mente aberta para muitas coisas, mas acredito que existem uns poucos que esquecem totalmente suas raízes e influências, e no fim, eles se tornam uma paródia de si mesmos. Não quero falar ainda sobre a música porque não desperdiçarei meu tempo ouvindo um álbum inteiro deles. O que posso te dizer é que visualmente eles são uma completa merda.

S: Agora que nós estamos na seção “scabbing questions”, soubemos que você estava no meio de uma disputa legal com sua ex esposa, Dita von Teese, para recorrer por alguns animais dessecados. Aqueles animais de estimação mortos são realmente importantes?

MM: Mmmhhh... (risos). Eu vou te responder só porque gosto de você e do seu sotaque, para ser honesto: a verdade é, estou apenas procurando um pouco de respeito e posso te dizer que para mim são muito mais importantes os vivos. Eu amo ver um gato andando por toda a minha casa, quieto e com uma miragem branca.

S: Hey, e que novos elementos nós podemos esperar nos seus shows?

MM: Nada. Eles tem os elementos comuns: sexo, drogas e rock & roll (risos).

S: Você virá ao México em breve?

MM: Tome isso como certo. Quando? Eu não sei, mas isso é certo, estarei lá em breve. O que eu gosto do México é que vocês são uma multidão louca. A audiência nos EUA é muito mais passiva e até chata às vezes. Esse é o porquê de um concerto no México ser sempre diversão.

S: Eu acho que é hora de você dormir porque você nos ligou bem depois de ter acabado um show na Europa, o que nós realmente te agradecemos. Última pergunta, quais são seus próximos planos?

MM: Continuar com a turnê, principalmente. Na verdade, nesse exato momento estou passando por uma fase muita criativa e estou escrevendo e construindo temas para um novo álbum, então, eu acho que não será um longo tempo antes de você ter algo novo em suas mãos.

S: Obrigado Marilyn, eu acho que escuridão no seu caso é apenas nas suas roupas, porque nós sabemos agora que dentro da sua cabeça tem muita luz.

MM: Obrigado você.

Página 42:

Sobre o "EAT ME, DRINK ME": o álbum que marca o retorno de Manson como um artista depois de uma grave depressão, também o álbum mais sólido e pessoal de sua carreira até agora.

Página 44:

Sem mais mitos.

Isso já foi falado um zilhão de vezes, mas ainda existem alguns que perguntam se Manson é o Paul do seriado "Anos Incríveis". É mais falso que uma nota de $34 pesos. O nome real do Marilyn Manson é Brian Warner e nasceu em 5 de janeiro de 1969, em Ohio. O ator que interpretou Paul, o leal amigo nerd de Kevin Arnold é um cara chamado Josh Saviano, que nasceu em 31 de março de 1976 em Nova Iorque. Depois que a série acabou, Josh estudou direito na Universidade Yale, para trabalhar depois para uma corporação de internet e computadores.

 

Página 63:

Resenha da Sonika do  "EAT ME, DRINK ME".
**** estrelas (de 5 estrelas)

"O pai do Manson foi um soldado da guerra do Vietnã que costumava se vestir como Ace Frehley quando estava em um show do Kiss, e ajudou vietnamitas que tinham efeitos colaterais causados pela guerra".

Outro da qual eu não devo nenhum cd, mas cujo talento é algo que nós temos que admitir. Esse filho da p*ta é um excelente artista plástico, um mestre dos hits e uma das pessoas mais interessantes da América. Nós só precisamos ouvir ele dizer o comentário mais inteligente no documentário "Tiros em Columbine" do Michael Moore para saber que esse cara é tudo menos um c*zão. Contudo, toda essa genialidade criativa, esse talentoso e elegante modo de justicar seu estilo decadente de vida e visão, caiu aos pedaços depois de seu divórcio... a porra de coisa mais engraçada foi que Manson, sendo um verdadeiro artista, nunca pensou em usar a dor como material para criar algo até um amigo sugerir isso a ele, e começou a se cicatrizar enquanto escrevia as letras para esse álbum. O cd é uma mistura entre mensagem hard-ass sobre a humanidade, falta de amor e após isso, esperança. Você tem que saber que durante o processo de gravação ele conheceu sua nova musa: Evan Rachel Wood, a quem Manson é 22 anos mais velho e com quem ele também brinca ser a convidada de Lolita de Nabokov. Para não ir mais longe nisso, esse é, sem dúvida, o projeto mais pessoal do Manson e uma excelente porra de disco produzido, que pode não ser o favorito entre seus fãs hardcore.

Se você gosta: escute Alien Sex Fiend que é como um Marilyn Manson do passado.




Se é fã de marilyn tem que visitar este site: http://www.marilynmansonnoticias.com/entrev_sonika_magazine.html

publicado por . às 21:54
link do post | comentar | favorito

.pesquisar

 

.Fevereiro 2012

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
21
22
23
24
25

26
27
28
29


.Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

.tags

. lazer(1007)

. vida(970)

. blogs(894)

. interesse(876)

. actualidade(840)

. musica(779)

. música(706)

. noticias(557)

. novidades(462)

. power(198)

. video(165)

. festivais(163)

. festival(142)

. radical(140)

. concerto(116)

. portugal(99)

. humor(90)

. desporto(76)

. rock(75)

. concertos(62)

. todas as tags

.participar

. participe neste blog

Parceria.info - Torne seu site mais conhecido faça trocas de links como parceria com vários sites, no parceria.info só existem pessoas que querem trocar links!

.links

.arquivos

. Fevereiro 2012

. Dezembro 2011

. Novembro 2011

. Agosto 2011

. Julho 2011

. Junho 2011

. Março 2011

. Fevereiro 2011

. Janeiro 2011

. Dezembro 2010

. Novembro 2010

. Outubro 2010

. Setembro 2010

. Agosto 2010

. Julho 2010

. Junho 2010

. Maio 2010

. Abril 2010

. Março 2010

. Fevereiro 2010

. Janeiro 2010

. Dezembro 2009

. Novembro 2009

. Outubro 2009

. Setembro 2009

. Agosto 2009

. Julho 2009

. Junho 2009

. Maio 2009

. Abril 2009

. Março 2009

. Fevereiro 2009

. Janeiro 2009

. Dezembro 2008

. Novembro 2008

. Outubro 2008

. Setembro 2008

. Agosto 2008

. Julho 2008

. Junho 2008

. Maio 2008

. Abril 2008

. Março 2008

. Fevereiro 2008

. Janeiro 2008

. Dezembro 2007

. Novembro 2007

. Outubro 2007

. Setembro 2007

. Agosto 2007

. Julho 2007

. Junho 2007

.tags

. lazer(1007)

. vida(970)

. blogs(894)

. interesse(876)

. actualidade(840)

. musica(779)

. música(706)

. noticias(557)

. novidades(462)

. power(198)

. video(165)

. festivais(163)

. festival(142)

. radical(140)

. concerto(116)

. portugal(99)

. humor(90)

. desporto(76)

. rock(75)

. concertos(62)

. todas as tags

.subscrever feeds